Comerciantes resolvem apostar em comida de gente para os animais de estimação

0

 

 

Comerciantes resolvem apostar em comida de gente para animais de estimação, com uma dieta natural e balanceada é entregue congelada e pode ser customizada de acordo com as restrições do animal para alívio dos donos de animais de estimação.

O número de lojas teve alta em 2020 impulsionada pela pandemia, durante a pandemia, o número de pets shops no país teve um aumento significativo, segundo levantamento do Instituto Pet Brasil.

 

De olho nessa oportunidade muitas pessoas e até pequenas empresas estão vendendo alimentos pré-preparados para animais que têm restrições alimentares além da costumeira ração, isso tem crescido tanto que tem chamado a atenção de pessoas que buscam ganhar um dinheirinho extra nesta pandemia.

 

Muita gente que ficou desempregada ou teve seus negócios fechados na quarentena viu no setor a chance de se restabelecer. Os pet shops foram considerados serviços essenciais neste período e seguiram funcionando mesmo nos momentos de restrição mais severos, assim como os serviços para entrega de comida, ou seja um somado com o outro tem sido um grande sucesso.

 

Quem sabe faz ao vivo 

 

A empreendedora Renata Batista de 39, que trabalhava na área de logística, foi demitida no início da pandemia. Então, resolveu pôr em prática o sonho antigo de ter um pet shop, sem muito dinheiro para começar, montou um serviço de banho e tosa na própria casa. O investimento inicial foi R$ 4.000, gasto com mesa, tesoura, secador e produtos.

 

Ela abriu o negócio em junho, fazendo 10 atendimentos por mês. Hoje, são cerca de 50. “Trabalho sempre com hora marcada, assim consigo prestar um serviço mais personalizado”. O mais legal é que além desses serviços ela conseguiu agregar o serviço de entregas de alimentos para animais com restrições alimentares e deu super certo.

Entregando cerca de 80 marmitas por dia, entre elas algumas comidas congeladas pré-prontas para os donos de pets que não tem condições de ir ao mercado para manter a alimentação dos seus pets balanceadas, ela vem faturando alto com essa crise.

 

O home office também foi uma contribuição importante para a expansão do segmento. Muitas pessoas passaram a investir mais nos cuidados com os pets e outras, que não tinham um bichinho, decidiram adotar ou comprar um.

 

Equipe Bons de Garfo

 

Se você gostou e quer ficar por dentro dessa e outras notícias, siga nossa pagina e deixe seu comentário, estaremos sempre atentos e inovando para que as melhores noticias e receitas do momento cheguem quentinhas para você, não deixe de compartilhar com seus amigos para que todos estejam por dentro.

 

Leave A Reply

Your email address will not be published.