Como fazer bolinho de chuva

0

Como fazer Bolinho de chuva, naqueles dias em que a garotada está em massa dentro de casa, e não há como ir à padaria ou mercado em busca de um lanche? Se você ainda não descobriu a receita certa, vamos providenciar para você agora, com todo carinho! Portanto, não saia daqui, porque já vamos lhe mostrar!

Como fazer Bolinho de chuva

Simples prático e delicioso, o bolinho de chuva é bem-vindo, mesmo quando o sol está brilhando no céu!Essa maravilha portanto, sempre faz a alegria da turminha, e por que não dizer dos adultos também? E para não perdermos o costume, vamos saber quem inventou essa gostosura?

A origem do Bolinho de chuva

No Brasil do final do século XVIII, muitas receitas tinham como ingredientes de base a mandioca ou o cará, pois naquela época o trigo era caro, vinha de Portugal com o nome de “farinha do reino”, portanto vejam que ainda não era um quitute popular, mas, pocerto já estava na mesa de nobres.

“Isso pode ser um indício de que o bolinho de chuva, tal qual conhecemos hoje, só veio anos mais tarde, com a popularização do trigo em meados do século XIX, portanto, vejam  que a massa deste docinho, possui certa semelhança com a massa do sonho, tradicional item da doçaria portuguesa, mas, com detalhes à parte.

 O folclorista Luís da Câmara Cascudo (1898-1986) faz menção a essa herança culinária em sua obra História da Alimentação no Brasil. Ele descreve que os sonhos ficavam na bandeja cercados pelas ondas de açúcar fino e de canela em pó.

A diferença portanto, é que os sonhos portugueses tinham recheio. A mesma obra anota que quitutes desse tipo não nasceram propriamente das sinhás. Eles saíam das mãos das escravas e por isso chegaram a ser chamados “bolinhos de negra”.

Da cozinha, foram parar nos tabuleiros, quentinhos e embalados em folhas de bananeira. Com o tempo, virou receita popular, com ingredientes sempre à mão ( fonte).

como fazer Bolinho de chuva

Talvez você se lembre de sua mãe ou a ajudante dela, na beira do fogão preparando essa delícia! Mas, elas não permitiam que provássemos enquanto não terminavam, não era assim?

Contudo, tão logo terminavam a fritura, a festa era certa, e não sobrava um bolinho para contar a história. Mas, agora que você cresceu, está na hora de matar a vontade, e fazer os bolinhos de chuvas

Ingredientes

2 xícaras (chá) de farinha de trigo
¼ xícara de amido de milho
3 colheres (sopa) de açúcar
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó
3 colheres (sopa) de leite
1 colher (sopa) de manteiga
3 ovos
1 colher (sopa) de queijo parmesão ralado
Erva doce a gosto
Óleo para fritar
Açúcar e canela em pó para polvilhar

Passo a passo de como fazer Bolinho de chuva

  1. Junte a manteiga e o açúcar
  2. Coloque os ovos um a um, e depois o leite.
  3. Aos poucos, vá acrescentado a farinha de trigo já peneirada,
  4. Misture tudo e acrescente o sal, a erva-doce e o queijo ralado.
  5. Mexer mais um pouco.
  6. Acrescentar o fermento.
  7. Fritar em óleo quente, derramando os bolinhos diretamente da colher.
  8. Depois de fritos, escorrer bem e colocar sobre papel absorvente.

Dicas para fazer Bolinho de chuva

  • Você deve baixar o fogo, quando o óleo estiver muito quente.
  • Após fritar, será bom, salpicar os bolinhos já prontos, com açúcar e canela.
  •  Para saber se a massa está no ponto certo é mesmo na hora de fritar, observe que, ela não deverá estar, nem muito firme nem muito mole.
  •  O bolinho precisa  ficar coberto com o óleo,  que por sinal, deve ser novo e estar bem quente
  • A fritura dura cerca de três minutos, ou até que fiquem douradinhos e prontos para serem empanados em açúcar e canela.

 

Como o Bolinho de chuva pode ser usada na escola

Ao promover uma feira cultural, onde as culinárias de vários países são apreciadas, o bolinho de chuva, poderá portanto, representar a culinária portuguesa. Mas, também na culinária brasileira, poderá ser a estrela, em um festival de massas,

Portanto, o bolinho de chuva, pode ainda, ser apresentado como um dos quitutes de tia Anastácia, do Sítio do Pica pau amarelo. E ainda para estudos, sobre seus principais ingredientes e seus valores nutricionais. E que tal ser oferecido pelo menos uma vez como lanche da turma?

As melhores receitas da internet!

Para quem gostou de ler nossas receitas e dicas de culinária e quer continuar encontrando tudo para tornar sua mesa mais saborosa em um só lugar, fique atento aqui no Bons de Garfo aprenda tudo sobre os melhores pratos do mundo e prepare sabores que vão deixar toda sua família babando.

Leave A Reply

Your email address will not be published.